It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

quarta-feira, 30 de abril de 2014

Ex-pianista da turnê de Michael Jackson processa Conrad Murray

Não há paz para Conrad Murray, o médico que tratava Michael Jackson foi condenado por homicídio culposo após prescrever uma dose muito alta de Propofol. Há algumas semanas, o Tribunal de Recurso confirmou sua condenação depois que o médico tentou várias vezes se declarar como inocente.
Hoje, contra o médico, além dos fãs, a família Jackson, tem também o pianista que iria acompanhar Michael Jackson durante a turnê “This Is It” na O2 Arena de Londres. Morris Pleasure é o nome do pianista que acusou o médico por ter perdido um monte de dinheiro devido ao não acontecimento da turnê. Conforme relatado pela TMZ, ele declarou que perdeu o seu “trabalho mais bem pago” por causa da morte do Rei do Pop e na primavera passada ele já tinha enviado uma carta ameaçando processar o médico devido seu prejuízo. O pianista já trabalhou com Earth, Wind & Fire, Christina Aguilera, Janet Jackson e Natalie Cole, mas ninguém teria pago tanto quanto Michael Jackson. E, claro, que além do dinheiro, ele teria como incluído em seu currículo este grande trabalho. Então, dada a decisão do Tribunal de Apelações e a manutenção da condenação de Murray, decidiu-se aderir a uma ação judicial para recuperar os bens perdidos, cerca de $ 400.000 que ele teria ganhado durante os 2 anos de turnê. Murray tem 90 dias para encontrar uma solução, mas de acordo com o advogado do músico pela contraparte não houve nenhuma proposta, então provavelmente irão ao tribunal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário