It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

terça-feira, 24 de dezembro de 2013

Família de Michael Jackson diz: “Nós não vamos desistir de lutar por justiça.”

A família de Michael Jackson se recusou a aceitar a decisão do júri da semana passada contra a ação e estão planejando apelar.
A promotora AEG Live foi inocentado por negligência por contratar Conrad Murray, que deu ao astro uma dose fatal de propofol e foi preso por homicídio involuntário. Mas a mãe de Jackson, Katherine Jackson, 83, e seus filhos Prince, 16, e Paris, 15, prometeram: “Nós não vamos desistir de lutar por justiça.” Eles afirmam que a AEG deveria saber que Murray, de 60 anos, era impróprio para tratar Michael Jackson e, portanto, responsável em parte por sua morte em 2009. O promotor disse que foi Michael Jackson quem o contratou e que ele era o culpado por sua própria morte. Brian Panish, advogado da família Jackson, disse ter perdido cerca de 4,5 milhões de libras com o caso. E Tom Mesereau, que defendeu com sucesso a estrela em seu julgamento por abuso sexual 2005, disse: “Eu falei para eles. Eles vão recorrer.” Ele também criticou a Murray para continuar a afirmar a sua inocência. Ele disse: “A menos que ele tenta mudar a sua atitude que eu tenho desprezo por ele. Espero que ele admita a responsabilidade, mas eu duvido. “

Nenhum comentário:

Postar um comentário