It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Ex-médico de Michael Jackson pede ajuda a amigos da prisão

Conrad Murray, o médico condenado pela morte de Michael Jackson, alega não estar bem na prisão. Segundo o site “TMZ”, o médico liga para amigos e chora ao telefone: “Eu não consigo dormir… É muito difícil. Sinto dores constantes. Alguém pode me ajudar, por favor?”.
Ainda segundo o site, que teve acesso ao recado deixado pelo médico a um amigo, Murray reclama de dores no ombro que o deixam incapacitado: “Não consigo mais usar minhas mãos. Não uso mais os meus braços.” O médico também pede que alguém ligue para o delegado: “Peça para ele vir me ver, talvez ele não saiba o que acontece aqui.” Segundo o “TMZ”, Conrad já deixou recado para vários amigos e nenhum retornou a ligação. Conrad deve deixar a prisão até o final de 2013, mas pode ser liberado antes caso o delegado assim decida. Em outubro de 2012, ele disse estar sofrendo maus tratos na prisão, mas a informação foi negada pela polícia de Los Angeles: “O sr. Murray está recebendo o nível apropriado de cuidados e nós estamos levando em consideração seus problemas de saúde e trabalhando com ele para buscarmos a melhor solução”, disse o delegado. Murray foi condenado dia 7 de novembro de 2011 depois de 23 dias de julgamento. O júri- composto de sete homens e cinco mulheres- deliberou durante um total de oito horas. O médico estava sendo julgado por homicídio culposo – quando não há intenção de matar – de Michael Jackson, morto em 25 de junho de 2009, e foi considerado culpado pela morte do cantor.

Advogados de ex-médico de Michael Jackson brigam durante visita

Conrad Murray virou prisioneiro estrela e testemunha na cadeia de LA County no dia de hoje devido a uma briga entre seus advogados de acordo com o TMZ.
Fontes próximas contaram que Murray havia se queixado de dores no braço direito e também no ombro nos últimos dois dias e hoje seus dois advogados (os quais cada um trabalha em casos diferentes) foram até a cadeia para visitá-lo. O primeiro a chegar foi J. Michael Flanagan – que representa Murray em todos os assuntos relacionados com o caso de homicídio na morte de Michael Jackson. JMF chegou acompanhado de seu filho Ryan, 30 anos, que também é advogado, mas não trabalha para Murray. Quando Flanagans começou a conversar com Murray na sala de visitas da cadeia, a outra advogada de Murray, Valerie Wass, chegou. Wass representa Murray em todos os assuntos relacionados com o Conselho Médico da Califórnia e da apelação de sua condenação penal. Segundo nossas fontes, Wass afirma que ela tentou entrar na sala de visitas para falar com Murray, mas foi fisicamente impedida e empurrada por Ryan. Wass conta que Ryan e seu pai começaram a gritar com ela, até que eles a deixaram falar com Murray. Após finalmente Wass conseguir falar com Murray, ela entrou imediatamente com uma queixa contra o Ryan. De acordo com a fonte, Murray presenciou toda a confusão e foi aberto uma investigação, o qual Murray poderá ser a peça chave no caso.

Mãe de Michael Jackson quer ajuda de Conrad Murray

Katherine Jackson, mãe do cantor Michael Jackson, morto em 2009, quer a ajuda de Conrad Murray. O médico, acusadode matar o pop star após aplicar uma dosagem exagerada de anestésico, está preso.
A mãe de Michael move uma ação contra a produtora AEG, responsável pela série de shows que cantor havia marcado. Katherine quer provar que a produtora foi negligente ao contratar Murray e falhou ao não supervisionar os procedimentos do médico junto ao filho, que sentia muitas dores após os ensaios, por isso o uso de anestésicos. Mas, segundo o TMZ, para conseguir mover a ação contra a AEG, Katherine precisaria do apoio de Murray, que está preso e não quer cooperar. Valerie Wass e J. Michael Flanagan, advogados do médico, lutam para que o processo não siga em frente.

Game Michael Jackson: The Experience atinge 6 milhões de cópias vendidas

Todas as expectativas da Ubisoft sobre o jogo “Michael Jackson The Experience” foram atendidas. O game multiplataforma, atingiu a marca de 6 milhões de unidades vendidas!
Lançado mundialmente em novembro de 2010, ”The Experience” permite aos jogadores vivenciarem a mágica do Rei do Pop dançando os passos inspirados em sua lendária coreografia e ouvindo e cantando sua música que continua a inspirar e encantar pessoas.

Musical em homenagem a Michael Jackson passará por BH

Ainda com datas a confirmar, o show “Thriller Live Brasil Tour”, em homenagem a Michael Jackson, passará por Belo Horizonte. A agência Future Group e a produtora Broadway Brasil trará o espetáculo, que passará também pelo Rio de Janeiro e por São Paulo.
aseado no musical inglês da West End, espécie de Broadway do Reino Unido, o espetáculo traz sucessos do Rei do Pop desde a época do Jackson Five até a interpretação de grandes sucesso do artista. Cantores, músicos, dançarinos e técnicos formam um elenco de 50 artistas internacionais, todos que atuam na produção original da West End. A cenografia e o figurino também são os oficiais da produção inglesa. No Brasil, o musical contará com a participação da cantora Leilah Moreno. A turnê começa no dia 22 de fevereiro no Rio de Janeiro e segue para Belo Horizonte e São Paulo. Os ingressos para os shows de São Paulo estarão disponíveis a partir do dia 21 de janeiro pelo site oficial da Tickets for Fun. Serviço Rio de Janeiro Data: De 22 de fevereiro a 7 de abril de 2013 Local: Citibank Hall Belo Horizonte Data: A confirmar São Paulo Data: de 9 de maio a 23 de junho de 2013 Local: Credicard Hall Ingressos: http://www.ticketsforfun.com.br

Paris Jackson neutraliza parentes gananciosos e tenta estrelato no cinema

Paris Jackson é herdeira de uma fortuna de 1 bilhão de dólares, guardiã do legado do maior astro pop. Ela cresceu com um pai que gastava dinheiro sem preocupação, tomava remédios, emagreceu excessivamente – tudo isso enquanto vivia numa infância perpétua.
Então, o que mais surpreendente sobre Paris Katherine Jackson é o quão normal ela é. Isso tudo graças, ironicamente, ao seu afetado, e brilhante pai, Michael Jackson. Até sua morte, em 2009, o Rei do Pop manteve seus filhos quase escondidos da mídia e, especialmente, de sua família, os irmãos que queriam o dinheiro dele e do pai, que Michael disse que abusou dele quando era uma estrela infantil. Talvez o mais importante, Michael Jackson, famoso por seus problemas financeiros, tentou proteger seus filhos das tentações de tanta riqueza. Eles estão certamente confortáveis, recebendo quantias de seis dígitos anualmente. Mas, por agora, esse dinheiro é controlado pela tutora deles, a mãe de Michael, Katherine, e os três filhos não terão acesso à herança completa até 40 anos de idade. O resultado, amigos da família dizem, é que Prince, Paris e Blanket parecem mais sensatos do que você poderia esperar de crianças que cresceram em um lugar chamado Neverland (ou que é chamado de “Blanket”
Dos três, foi Paris – com seus hipnotizantes olhos azuis e forte presença no Twitter – que se tornou a figura mais fascinante da família. Ela já enfrentou seus tios e tias, que, furiosos por terem sido deixados de fora do testamento de Michael, tentaram conseguir mais dinheiro pressionando Katherine. Não funcionou, o testamento permaneceu inalterado. E Paris, para grande irritação da família Jackson, twittou a coisa toda, em um momento que teria feito seu pai orgulhoso – usando seu inimigo, a mídia, para ajudar a causa dela. Então, como é ser filha do Rei do Pop? Paris Jackson come trail mix (combinação de frutas secas e castanhas, etc) nos lanches, adora ir ao shopping e ver as reações daqueles que a olham por causa das “meias estranhas e longas que ela está usando” - embora os olhares são provavelmente porque as pessoas estão espantadas ao verem a filha do falecido e notoriamente recluso Michael Jackson em público.E como seu pai, os membros da família dizem, ela é uma perfeccionista. Ela entrou para o time de flag-football da sua turma, mas só depois que ela soube que ela poderia se equiparar aos outros mais rápidos da prestigiada Escola Buckley no norte de Beverly Hills. Sua matrícula de 29.000 dólares por ano está um pouco mais cara desde quando ex-alunos, como Paris Hilton, Kim Kardashian, Matthew Perry, Alyssa Milano e Laura Dern estudaram. Paris e seus irmãos residem com a avó Katherine em Calabasas. O primo TJ Jackson, filho de Tito, designado pelo tribunal como co-responsável das crianças no ano passado, é uma presença constante na casa, mas é principalmente Paris, seus irmãos, Katherine e a assistente de Katherine que estão lá o tempo todo. Cinco empregadas e dois chefes trabalham em turnos enquanto uma empresa de segurança contratada mantém pelo menos dois guardas de plantão o tempo todo. O quarto de Paris é uma suíte no segundo andar dos 12.700 metros quadrados, da mansão de sete quartos, da qual o espólio de Michael Jackson paga por fora 26.000 dólares por mês. Enquanto seus irmãos ficam principalmente no salão de jogos no andar de baixo, Paris encontra consolo na espécie-de-sala-de-cinema com assentos reclináveis de estádio de couro bege, um lembrete e réplica próxima do cinema da casa do seu pai no rancho Neverland. A adega de vinhos raramente usada, uma piscina em forma oval e um campo de golfe também é parte integrante do conjunto imponente. Britney Spears, Mel Gibson, Justin Bieber, Tommy Lee e Stevie Wonder são vizinhos.Na escola, Paris tem os seus amigos, mas ela desenvolveu um vínculo estreito com seus primos Randy Jackson Jr., Donte Jackson e Genevieve Jackson. O grupo muitas vezes vai ao shopping center próximo, ao cinema e, no mês passado, passou o dia todo na Disneylândia com TJ. Principalmente devido à paternidade incansável de seu pai, Paris é muito respeitosa e expressa cada pedido com “Por favor”, “obrigado”, “Sim, senhor” e “Não, senhora.” “Paris vai ser inacreditável enquanto ela continuar a navegar a vida que Michael deixou para ela”, disse uma fonte da família. “Estou surpreso com a facilidade com que ela se adaptou”, apesar do jeito que Paris e seus irmãos viviam antes da morte de Michael Jackson. Os três filhos raramente tinham contato com outras pessoas, incluindo seus primos, agora muito próximos. Quando eles saíam em público frequentemente eram mascarados. A interação na maior parte foi com o pai, a babá Grace Rwaramba e pessoal da segurança. Eles também eram próximos ao dermatologista de Michael Jackson, Arnold Klein, que afirmou brevemente após a morte de Michael Jackson que ele era pai de Prince e Paris. A mãe biológica de Paris, Debbie Rowe, não tem tido quase nenhum contato. Como Jackson, Paris pode ter água gelada em suas veias quando chateada, como alguns dos Jacksons descobriram no ano passado com o imbróglio público entre Paris e a tia superstar Janet que foi capturado pelo vídeo da segurança. Os membros da família, incluindo Janet, Rebbie, Randy e Jermaine, declararam publicamente sua crença de que o testamento de Michael é uma farsa. Eles haviam desafiado os executores John Branca e John McClain em numa tentativa de tomar o controle sobre o lucrativo espólio. O espólio de Jackson é avaliado atualmente em mais de 1 bilhão de dólares, e ele deixou 20 por cento para instituições de caridade, 40 por cento a ser dividido entre Paris e seus dois irmãos e 40 por cento para sua mãe. Após a morte de Katherine, seus 40 por cento passam para os filhos de Jackson também. Apenas aos 40 anos as crianças vão finalmente ter acesso completo a toda a herança. Michael Jackson já ganhou desde a sua morte mais do que qualquer artista vivo. Será que Paris e seus irmãos vão compartilhar a riqueza com seus tios e tias famosos? “Não é provável, mas nunca se sabe. Eles têm coração grande”, disse um membro da família. Michael Jackson não deixou nada para seus irmãos ou o pai Joe Jackson. As lições de Michael Jackson aos seus filhos incluíam ser esperto sobre os seus associados, especialmente sua família. Embora ela compartilhe o amor de seu pai pela música, Paris diz que planeja atuar. No ano passado, ela assinou contrato para o papel principal em um a-ser-feito-em-breve filme live-action/animado chamado “Lundon’s Bridge and the Three Keys”, baseado no livro de Dennis H. Christen. “Anota aí, ela vai conseguir o que quer e, principalmente, nada que ela consiga ou queira é demais para ela ou pode ser considerado ridículo”, um membro da família disse. ”Ela não pede Lamborghinis ou Ferraris, apenas um Benz”, brincou o membro da família. Paris também mostrou seu lado político, apesar de jovem demais para votar, ela estimulava os seus amigos, familiares e mais de 1 milhão de seguidores do Twitter a votarem em Barack Obama. Paris já provou ser astuta ao tratar seus negócios enfaticamente dizendo não no mês passado para uma oferta de 3 milhões de dólares para fazer um reality show de televisão. “Eu acho que muitos que passam por essa casa não teriam pensado duas vezes antes de aceitar essa oferta, com exceção talvez do Randy”, outro membro da família disse. “Para ela é tudo sobre ter uma verdadeira carreira de atriz, como o pai dela, ela não vai fazer nada pequeno”, o membro da família disse ao The Post. Para aqueles que podem ter pensado que ela gostaria de seguir os caminhos musicais de seu pai, Paris insiste que ela está, de fato, seguindo os passos dele. O cantor de “Thriller” sempre quis ser um astro do cinema e se referia aos seus vídeos musicais como curtas-metragens. Michael Jackson, que apareceu em “Homens de Preto II” em um papel menor como um alienígena, tinha abordado os diretores sobre a substituir Will Smith no papel principal. Ele também alegou ter vindo com a ideia para a DreamWorks, de propriedade de David Geffen, Jeffrey Katzenberg e Steven Spielberg. Michael Jackson era notoriamente cuidadoso sobre o que ele usava em público, e Paris é considerada exigente sobre o que os irmãos Prince e Blanket usam. “Você tem que representar. Isso é o que ela sempre diz a eles “, outra fonte disse. Faz mais de três anos desde a morte de Michael Jackson, e enquanto seus filhos continuam quase tão reclusos como seu pai, Paris faz declarações a toda a hora. Quando foi sugerido que ela e seus irmãos não assistissem ao julgamento do Dr. Conrad Murray, o médico acabou condenado por causar a morte de Michael, Paris disse aos membros da família que iria, de qualquer maneira. “Ela teria testemunhado se o promotor a tivesse chamado,” o membro da família disse. “Ela estava inflexível de que Murray deveria ser punido. Ela queria olhar Murray diretamente nos olhos e deixá-lo saber o que ele fez para essa família. “ Recentemente, Paris cobriu suas paredes do quarto com cartazes de seu pai. Ela adora ouvir a música dele e tem outros favoritos, incluindo Bieber, AC / DC, Miley Cyrus e os Bee Gees.

Assistente de Michael Jackson entra na justiça contra o cantor

Michael Amir Williams entrou na justiça contra o grupo que administra o espólio de Michael Jackson, pedindo para ser ressarcido por ter pago algumas contas do cantor quando trabalhava como seu assistente pessoal.
De acordo com o site TMZ, Williams foi funcionário do Rei do Pop quando este morava em Las Vegas, Estados Unidos, e alega ter gasto cerca de U$28,570 mil (mais de R$ 58 mil) para quitar dívidas referentes à contas de energia, telefone e locação de veículos. Recentemente, a atriz Ola Ray, que atuou com Michael Jackson no clipe da música “Thriller, ganhou na justiça o direito de receber U$55 mil do espólio do cantor após alegar que não estava recebendo sua parte dos lucros do vídeo.

sábado, 5 de janeiro de 2013

Prince Jackson e La Toya Jackson visitam hospital na Alemanha

“Heal the World, make it a better place!” Com este verso da música de 1992, Michael Jackson tentou fazer um mundo melhor. Agora, cerca de 20 anos depois, e quase quatro anos após a sua morte, o seu filho primogênito Prince Jackson tenta continuar o legado de seu pai. Foi o que ele fez na sexta-feira, 04/01/13 em Köln, Alemanha!
“O fato de que eu mesmo tive uma infância muito feliz, para mim é claro. Mas também sei que muitos não“, diz Prince ao visitar o hospital.
De seu irmão, La Toya não tem só a aparência, mas também o bom coração. “O que há de mais belo do que os olhos das crianças. A visita e a alegria das crianças de Köln me tocaram profundamente. Estou orgulhosa de Prince ter a consciência social de seu pai. ”

Prince Jackson e La Toya Jackson chegam na Alemanha

Prince Jackson foi fotografado ontem na garagem do Hotel im Wasserturm acompanhado por cinco guarda-costas e a tia La Toya Jackson. Paris Jackson aparentemente preferiu ficar em casa. LaToya Jackson e Prince Jackson, desembarcaram às 12h30 no aeroporto de Dusseldorf. Eles foram recepcionados por Arnold, Oscar e Florian Wess.
http://www.express.de/image/view/2013/0/3/21383736,17246772,highRes,maxh,480,maxw,480,01K+23_71-48136979_ori.jpg

Prince Jackson e La Toya Jackson participam de evento beneficente na Alemanha

Prince Jackson juntamente com a La Toya Jackson chegaram na cidade de Köln, Alemanha. Prince participou na noite de sexta-feira, 04/01/13 como convidado de um evento de gala beneficente no Hotel Maritim. Por ele ainda ser menor, a tia La Toya ficou com a responsável dele.
La Toya e Prince ficaram protegidos por quatro seguranças dos EUA. O clã Jackson ficará hospedados por três das na cidade de Köln em duas suítes presidenciais no Hotel Im Wasserturm. Na gala em si, as crianças ficaram até 22 h. “Eles são menores de idade. Estamos orgulhosos que eles apreciam o nosso trabalho de caridade”, diz o Presidente da Jummimüüs, Günter Puetz. Prince fiz uma breve aparição durante a divulgação do cheque.
“Eu estou agora pela segunda vez em Köln e eu amo estar aqui. Todos de Köln são sempre super legais comigo, disse Prince. E a tia La Toya acrescentou: “Quando se trata de ajudar as crianças, nós estamos sempre disponíveis.” Ambos doaram 5.000 euros do próprio bolso. Entretanto a gala terminou cedo para Prince. Ele tinha que ir cedo para a cama.
O contato entre Jummimüüs e os Jacksons, na verdade, aconteceu através dos ”Botox Boy” e o promotor de eventos Arnold Wess. La Toya já participou da cerimônia em Colônia três anos atrás. “Nós nos encontramos com LaToya em 2008, em Los Angeles. Desde lá temos uma boa amizade”, disse Florian.
Botox-Boy é o pseudônimo para Arnold, Oscar e Florian Wess. O trio é amigo de muitas celebridades nos EUA. “Nós todos nos encontramos recentemente nos EUA e também conheci os filhos de Michael. Eles foram muito hospitaleiros conosco. Em troca, vamos devolver o favor”, disse o patriarca Arnold Wess. La Toya e as crianças vêm na primeira semana de janeiro para Rhein. “O clã Jackson encontrar com o clã Wess vai ser ótimo. Estamos todos ansiosos em Köln, para fazer compras e se divertir”, disse a irmã do rei do pop. Paris teve as primeiras impressões da Rheinlands em outubro de 2011 enquanto ela visitava Phantasialand com sua família em Brühl.

Prince Jackson é visto no aeroporto de LA com a tia La Toya Jackson

A cantora La Toya Jackson e seu sobrinho Prince Jackson, filho do rei do pop, Michael Jackson, chegaram de carro ao aeroporto de Los Angeles na tarde de 01/01/13 para viajar para Alemanha onde participaram de um evento beneficente.
Prince estava com uma camiseta do personagem Stewie, do desenho Family Guy, e uma jaqueta com o logo da Gracie Jiu-Jitsu Academy, que se refere à academia da família brasileira que hoje trabalha nos Estados Unidos, desceu do carro acompanhado de um segurança.

Atriz de “Thriller” fatura US$ 55 mil em ação contra Michael Jackson

Atriz Ola Ray, que participou do clipe “Thriller”, de Michael Jackson, faturou US$ 55 mil (aproximadamente R$ 100 mil) da herança do pop star.
Ela acionou judicialmente o cantor em maio de 2009 – um mês antes de sua morte -, alegando que não teria ganhado o suficiente por sua participação. A informação é do site TMZ. O advogado da atriz recebeu US$ 20 mil do espólio. John Landis, que dirigiu ”Thriller”, também entrou com processo e conseguiu fazer um acordo com a produtora de Michael Jackson. Na época o diretor tinha pedido US$ 2 milhões. O álbum “Thriller” foi lançado em 30 de novembro de 1982 e até hoje é considerado uma pérola da cultura pop. Foi o disco mais vendido do planeta, com mais de 170 milhões de cópias.

“Billie Jean” de Michael Jackson completou 30 anos

Na última terça-feira (1), a música “Billie Jean”, de Michael Jackson, completou 30 anos. Lançada em 1983, a faixa foi inicialmente reprovada pelo produtor Quincy Jones, mas acabou sendo lançada como segundo single do álbum “Thriller”. Para comemorar o aniversário da canção, uma das mais vendidas da histórias, o site da revista “New Musical Express” listou 30 curiosidades sobre a canção:
1. A música foi mixada 91 vezes pelo produtor Bruce Swedien. 2. Walter Yetnikoff, presidente da gravadora de Michael Jackson, ameaçou acusar a MTV americana de racismo quando a emissora mostrou resistência em divulgar o clipe de “Billie Jean”, por ser estrelada por um artista negro. 3. Michael Jackson compôs “Billie Jean” enquanto dirigia seu Rolls-Royce. Ele ficou tão absorto na composição, que não notou que seu carro estava pegando fogo. Um motociclista o avisou do perigo. 4. Quincy Jones não queria que “Billie Jean” aparecesse no álbum “Thriller”. 5. Jones odiava o baixo da canção. 6. Ele também odiava a introdução da música. 7. “Mas esse é o tempero. É isso que me faz querer dançar”, respondeu Michael Jackson às críticas do músico. 8. Michael Jackson e Quincy Jones discordaram sobre o título da canção. Preocupado com a possibilidade de as pessoas confundirem o personagem da música com a tenista Billie Jean King, Jones queria que o single se chamasse “Not My Lover”, mas Michael Jackson ganhou a discussão. 9. No entanto, Michael não conseguiu os créditos de coprodutor da faixa, muito menos os royalties. 10. Michael Jackson cantou os vocais de “Billie Jean” em um tubo de papelão de seis metros de comprimento. 11. O primeiro “moonwalk” de Michael Jackson foi executado quando ele cantou “Billie Jean” no programa “Motown 25: Yesterday, Today, Forever”. 12. Michael Jackson confessou a Daryl Hall que se inspirou na música “I Can’t Go for That (No Can Do) da banda Hall & Oates para compor Billie Jean. 13. Nas gravações, Michael acertou os vocais em apenas uma tomada. 14. Os cabelos de Michael pegaram fogo durante as gravações de um comercial para a Pepsi, que tinha “Billie Jean” como trilha sonora. 15. “Billie Jean” foi a faixa que impulsionou o disco “Thriller”, o álbum mais vendido de todos os tempos. 16. Michael Jackson explicou que “Billie Jean” é uma música sobre groupies. Ele escreveu a canção baseado na sua experiência com as fãs do “Jackson 5″. “Naquela época, toda garota alegou que tinha um filho dos meus irmãos”, disse Jackson. 17. Outra teoria para a música é que “Billie Jean” é uma pessoa real. 18. O biógrafo J. Randy Taraborrelli diz que “Billie Jean” é uma mulher que escreveu uma carta para Michael Jackson dizendo que ele era pai de um de seus gêmeos. 19. Depois de uma série de cartas, a mulher teria enviado um pacote que continha uma arma para Michael Jackson, dando instruções para que ele cometesse suicídio em determinada data, depois que ela e o bebê também estaria mortos. 20. Michael Jackson chegou a traçar um retrato falado da perseguidora que enviou o pacote para sua casa. 21. Um cover de “Billie Jean” foi gravado por Ian Borwn. 22. O filhote de tigre que aparece no final do vídeo pertencia a Michael Jackson e se chamava Thriller. 23. Michael Jackson não dança até metade do vídeo. Ele só começa as coreografias a partir de 2:31 do clipe. 24. A canção está na chave de F#menor. 25. O código de barras na capa do álbum continha sete dígitos e circularam boatos de que seria o número do telefone de Michael Jackson. 26. Chris Cornell também fez um cover, razoável, de “Billie Jean”. 27. A música foi remixada por Kanye West. 28. O manuscrito da letra de “Billie Jean” foi vendido por £24.984 em um leilão em 2012. 29. Um sample de “Billie Jean” foi usado na canção “Bright Lights at the Bigger City”, do cantor Cee-Lo Green. Há vários mashups das duas músicas no Youtube.

Michael Jackson recebe reembolso de tapete que tinha comprado

A equipe de uma sofisticada loja britânica tomou um susto quando recebeu um pedido de reembolso de um tapete, comprado há três anos por Michael Jackson (1958-2009). Membros da comitiva do astro apareceram esta semana na loja apresentando o tal tapete, ainda enrolado pela falta de uso, solicitando a retirada do valor pago pela peça: nada menos que 15 mil libras.
Segundo assessores de Michael Jackson, o rei do pop teria se apaixonado pelo tapete ao vê-lo no site da loja em 2009 e pedido a sua equipe que fosse até o local buscá-lo. O cantor e compositor pretendia colocá-lo no camarim de seus últimos shows, mas faleceu antes de ter a oportunidade de usufruir do tapete. Os funcionários da The Rug Company foram surpreendidos quando os assessores de Michael Jackson reapareceram depois de três anos pedindo o dinheiro do tapete de volta. E mais surpreendente ainda é que a loja aceitou o pedido e reembolsou o valor da compra. “O tapete foi vendido foi uma larga garantia e como foi devolvido sem uso e impecável, pagamos o reembolso em seu valor total”, afirmou representante da loja. Então a loja, que também fornece tapetes para as turnês de Madonna, colocou a peça que já foi de Michael Jackson de volta na vitrine.