It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

AEG procura evidências no livro de Jermaine Jackson sobre Michael Jackson para ação judicial

A AEG Live está buscando rascunhos nos livros e manuscritos do Jermaine Jackson que possa afirmar e revelar detalhes sobre seu irmão Michael Jackson que poderão ajudá-los na defesa contra a ação movida pela mãe dos cantores.
AEGJermaineJackson.jpg AEG procura por evidências no livro, “You Are Not Alone”, que pode se concentrar em abuso de Michael Jackson pelas drogas. Os advogados Jermaine Jackson lutam contra este pedido, chamando-os de excessivamente ampla e de violação da Primeira Emenda, de acordo com documentos judiciais. Estes manuscritos violariam também a privacidade dos três filhos de Michael Jackson e outros membros da família e constitui em uma “expedição de pesca”, de acordo com os documentos apresentados nesta segunda-feira, 10/09/12. Os advogados da AEG afirmam que os escritos são importantes para a defesa da empresa em um caso interposto pela mãe dos cantores alegando que a promotora de eventos não contratou devidamente Conrad Murray, o médico acusado de homicídio culposo pela morte de Michael Jackson em junho/2009. Seus esforços procuram por rascunhos de um livro descrito como “Legacy: Surviving the Best and the Worst,” que foi publicado vários anos antes da morte do astro pop. AEG afirma que os rascunhos da obra irão mostrar questões “da imensa relevância para este caso, incluindo o abuso a longo prazo de Michael Jackson por medicação prescrita.” O Advogado da AEG, Marvin Putnam escreveu em um e-mail que a empresa foi buscar os documentos, porque, durante a divulgação para o livro, Jermaine Jackson elogiou publicamente os “detalhes da vida de seu irmão e da morte.” Putnam também escreveu que Jermaine Jackson afirmou que ele era a “única pessoa qualificada para entregar o verdadeiro Michael.” Os escritos não estão protegidos por proteções concedidas a jornalistas de investigação, uma vez que são memórias, AEG fez um pedido para conseguir com que um juiz ordene a liberação dos materiais. A audiência está marcada para 28 de novembro. O advogado Jermaine Jackson, Kevin Boyle, que também representa a mãe no processo contra a AEG, não estava imediatamente disponível para comentar o assunto. AEG também está buscando a possibilidade de Jermaine Jackson depor. E conseguiu uma ordem judicial na última quarta-feira exigindo que o amigo de longa data de Michael Jackson e dermatologista Dr. Arnold Klein faça seu depoimento no próximo mês. Katherine Jackson processou a AEG em setembro de 2010, e o caso está marcada para ir a julgamento, em abril de 2013. A empresa também está envolvida em um outro process apresentado pela Lloyd de Londres sobre o pagamento do seguro de vida de Michael Jackson. Putnam disse que a empresa informou ao Lloyd que recuperou suas perdas e não é mais propositura da ação. Qualquer produto deve ser pago a empresa que beneficia a propriedade de Michael Jackson, disse ele. Retirada formal da AEG da declaração é esperada para breve, bem como a sua demissão do caso apresentado pela seguradora.

Nenhum comentário:

Postar um comentário