It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

sábado, 8 de outubro de 2011

Michael Jackson tinha muitos medicamentos em casa

O cantor Michael Jackson mantinha uma grande quantidade de remédios em casa antes de sua morte por overdose de anestésicos.



Nesta quarta (5), no julgamento do Dr. Conrad Murray, a investigadora Elissa Fleak contou que descobriu um frasco vazio do anestésico propofol ao lado da cama do cantor poucas horas após sua morte, além de outros remédios de uso controlado.

Quando voltou à casa de Michael Jackson, quatro dias depois, achou várias sacolas em seu armário. Dentro delas, mais frascos de propofol, inclusive uma dentro de uma bolsa de soro.

Uma pequena sacola decorada com um laço de bolinhas tinha a inscrição “Baby Essentials” (itens importantes do bebê) e continha propofol, remédio a que Michael Jackson se referia como “leitinho”.

Ao todo, foram expostas no julgamento 37 garrafas de propofol e uma coleção enorme de sedativos como: Diazepam, Lorazepam, Temazepam etc, pois a lista é longa.

Fleak disse que encontrou também um saco azul cheio de frascos Propofol – o mesmo saco que o segurança MJ, Alberto Alvarez afirmou ter guardado os frascos por ordens doDr. Murray antes de chamar o 911.

Outras 63 provas recolhidas no quarto de Jackson foram mostradas durante a tarde desta quarta (5), incluindo o que os promotores chamaram de “detritos médicos”: seringas, agulhas e gazes ensanguentadas.

MJ_Speechless

Nenhum comentário:

Postar um comentário