It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

sábado, 8 de outubro de 2011

Encontrada camisola com sangue no quarto de Jackson

Quando o médico Conrad Murray continua a ser julgado em Los Angeles, acusado de homicídio de Michael Jackson, um novo facto foi apresentado esta semana em tribunal: uma camisola com sangue estava no quarto do rei da pop, quando este morreu a 25 de Junho de 2009.



Segundo o ‘Daily Mail’, a peça de vestuário encontrava-se no guarda-fatos do artista e apresenta marcas de sangue na zona do ombro e peito.
A camisola tem ainda a etiqueta o que leva a concluir que pode ter sido utilizada por Jackson apenas para estancar uma hemorragia.
Durante o julgamento nos últimos dias, foram apresentadas várias fotografias do quarto do cantor, na mansão de Holmby Hills, em Los Angeles, dando conta dos frascos de propofol, substância que terá causado a morte de Jackson aos 50 anos.
Foi precisamente no guarda-fatos onde se encontrou a camisola ensanguentada que Murray terá guardado várias doses de propofol.
A tese da defesa do médico de Michael Jackson tem sido a de que terá sido o próprio músico de ‘Thriller’ a injectar-se com a dose letal de propofol, quando Conrad Murray se ausentou do quarto do cantor.

Correio da manha

Nenhum comentário:

Postar um comentário