It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Testemunha chave reaparece para julgamemento

A testemunha desaparecida para o julgamento de homicídio culposo do médico Michael Jackson foi encontrada neste final de semana e estará disponível para depor, de acordo com informações divulgadas pelo procurador nesta segunda-feira, 16/09/11.



O Farmacêutico Tim Lopez testemunhou na audiência preliminar em janeiro/2010 revelando que ele vendeu mais de 15 litros do anestésico cirúrgico propofol e enviou para o apartamento da namorada do Dr. Conrad Murray sobre os três meses antes da morte de Michael Jackson.

O Legista do Tribunal de Los Angeles determinou que Michael Jackson morreu em 25 de junho de 2009, como uma overdose de propofol combinado com outros medicamentos.

O Vice-promotor David Walgren disse ao tribunal na semana passada que acreditava que Tim Lopez, o proprietário de uma farmácia em Las Vegas, havia se mudado para a Tailândia.

Uma audiência foi marcada para segunda-feira no Tribunal Superior de Los Angeles com o juiz Michael Pastor que poderá decidir se os promotores poderão contar com a transcrição do depoimento do Tim Lopez feito anteriormente. A resolução desse e de vários outros temas feitos serão resolvidos nesta audiência.

“Bem, eu gostaria de acreditar que eu sou responsável, em alguma medida, mas temos excelente conselho.” Pastor disse nesta segunda-feira.

A defesa do médico anunciou que vão desistir de sua lista de testemunhas do Texas, pois existe um médico que visitou o laboratório do legista em Los Angeles, mas os promotores se opuseram a seu testemunho, chamando-o de irrelevante.

Michael Pastor adiou o pedido da promotoria para excluir o depoimento da maquiadora de Michael Jackson, Karen Faye, pois a defesa quer que ela repita as declarações que ela deu em entrevista sobre o estado de saúde de Michael antes de ele morrer durante os ensaios.

A promotoria disse ao juiz, em audiência na última quinta-feira passada, 15/09/que o depoimento da Faye baseou-se no que ela ouviu falar pelos outros e não nas suas próprias lembranças.

A próxima audiência está marcada para tarde de quarta-feira, 21/09/11, quando os advogados de cada lado irão oferecer “sua justa causa” sobre os jurados, com base nas respostas às perguntas escritas.

Advogados vão analisar e escolher na próxima sexta-feira, 23/09/11, quem serão os 18 jurados potenciais para assistir o julgamento.

O julgamento, que será televisionado, está agendado para o 27 de setembro e de acordo com o juiz os trabalhos irão até mais ou menos 28 de outubro.

mj_speechless

Nenhum comentário:

Postar um comentário