It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

sábado, 20 de agosto de 2011

Dr. Conrad Murray pede a justiça isolamento dos jurados

A defesa do Dr. Conrad Murray, médico que cuidava de Michael Jackson na época da morte do cantor, ocorrida em junho de 2009, pediu para que o juiz do caso considere o isolamento do júri durante o julgamento, marcado para ter início em 26 de setembro.



Os advogados de Dr. Conrad Murray, apresentaram na quinta-feira, 18/08/11, um pedido com um amplo precedente da cobertura do Caso Casey Anthony, o que levou ao isolamento do júri e absolvição da mulher acusada de matar sua filha.

O pedido cita declarações da CNN de Nancy Grace, que acusou diariamente a Casey Anthony em seu programa.

Corre-se um boato que o programa de Grace e outros, possivelmente farão mesas-redondas para discutir com especialistas no assunto o julgamento de Murray.

“Há um medo genuíno de que um jurado bem intencionado se impressione mais com algum “expert” na televisão do que com as evidências mostradas oficialmente no julgamento”, de acordo com o pedido.

De acordo com o site da Rolling Stone EUA, Michael Pastor não negou o pedido oficialmente, mas parece pouco provável que o isolamento aconteça, já que o juiz disse, segundo a agência de notícias Reuters, que não seria necessário e que o tribunal de Los Angeles provavelmente não poderia bancar as despesas consequentes deste tipo de medida.

O porta-voz da procuradoria, Sandi Gibbons, se limitou apenas em dizer que o Ministério Público irá responder via tribunal. Ele convocou uma audiência para a próxima quinta-feira.

O pedido também observa o medo que os jurados têm em acessar os sites de redes sociais como Facebook e Twitter. Ambos estão bloqueados no site do Tribunal, mas os advogados de defesa acreditam que os jurados podem acessar através de seus celulares fora do Tribunal.

“As possibilidades são infinitas para os jurados encontrar algum tipo de comunicação e informar através de vários sites como o Facebook, Twitter e Google. Há um grande perigo do Dr. Murray não poder confiar em um julgamento justo se for permitido o acesso aos jurados à cobertura da decisão”.

MJ_Speechless

Nenhum comentário:

Postar um comentário