It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

terça-feira, 17 de agosto de 2010

Joe Jackson diz: “Eu não obtive respeito”

Advogado de Joe Jackson faz reivindicações, seu cliente não foi tratado com “dignidade e valor” pelo juiz do caso de Michael Jackson.



O advogado de Joe Jackson, Brian Oxman, apresentou documentos ao tribunal de apelações da Califórnia, alegando que o juiz que homologou estava errado em tentar encerrar o processo de 86 páginas de Joe contra os executores John Branca e John McClain.

O juiz declarou que Joe não tinha legitimidade para opor-se a dupla, porque o próprio Joe foi intencionalmente excluídos pelo Michael Jackson como beneficiário da vontade.

Mas as reivindicações de Oxman para Joe é que ele era financeiramente dependente de seu filho e deve, portanto, ter o direito de se opor à nomeação dos homens que tomam decisões financeiras para o Estate.

Embora Joe está se baseando em vários crimes contra os executores – incluindo a fraude e peculato, que negam veementemente os executores.

A advogada das crianças de Michael Jackson, Margaret Lodise afirma que Joe só quer realmente ferí-los com todas as disputas “processuais e complementa ao dizzer que ”Joe só se preocupa com sua participação na propriedade e, portanto, ele é “ele é o último cão da manjedoura ou sarneto”.

Fonte: http://mjneverland.ptforuns.com/viewtopic.php?f=10&t=1949

Nenhum comentário:

Postar um comentário