It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

terça-feira, 25 de maio de 2010

Jorge Vercillo homenageia Michael Jackson



Ano passado, durante a turnê “Todos nós somos um”, uma escritora visitou o camarim de Jorge Vercillo ao final de um show, no interior de São Paulo, e comentou que as letras de suas músicas continham mensagens extraterrestres. Desde então, o cantor despertou para assuntos como ufologia, cosmologia, holística, física quântica…
Jorge diz: “Acredito piamente em UFOs, e essa certeza me vem por intuição, porque nunca vi nada concreto nesse sentido. Confio nesse canal, porque é o mesmo que me traz a minha música, e dela eu sobrevivo”, que lança o CD “DNA”, calcado nesse universo abstrato.

Jorge conta: “DNA é um projeto do Portal 11.11, teoria que diz que as abduções têm como objetivo ativar o código genético do ser humano, tornando-o favorável à evolução. Muita gente encara como piada, maluquice, mas é sempre bom incitar a discussão.”

Em 13 faixas, o novo CD é plural: fala de amor, convivência equilibrada entre as diferenças, autoconhecimento, espiritualidade… Tem até espaço para homenagem a Michael Jackson.

Jorge explica: “A canção “Quando eu crescer” me remete a ele. Foi um gênio, uma criança grande que despertou muita inveja. Eu até achei que ele poderia ser pedófilo, mas era de uma ingenuidade inacreditável“



Um reencontro com o pop
“DNA” resgata um lado pop de Vercillo que parecia engavetado. “Há de ser” (em dueto com Milton Nascimento), “Memória do prazer” (parceria com a mulher, Gabriela), “Me transformo em luar” (já nas rádios), “Um edifício no meio do mundo” (gravada antes pela parceira Ana Carolina) e o bônus “Deve ser” (da trilha de “Viver a vida”) se destacam. Mais original foi a ideia de explicar faixa a faixa e pôr glossário no encarte do CD.

Fonte: http://mjneverland.ptforuns.com/viewtopic.php?f=10&t=1339

Nenhum comentário:

Postar um comentário