It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Murray continua com a sua licença medica.


Dr. Conrad Murray evitou uma bala no tribunal hoje - um juiz adiou a decisão sobre se Murray deve ter suspensa a sua licença médica.

O caso de homicídio culposo contra o cardiologista de Michael Jackson foi transferido para um novo juiz de Los Angeles. O médico Conrad Murray, seus advogados e promotores se reuniram perante o juiz supervisor da Suprema Corte, Peter Espinoza, que transferiu o caso para o juiz Michael Pastor.

As medidas que deverão ser tomadas pelo novo juiz incluem o estabelecimento de uma data para audiência preliminar e abrange a manutenção da licença de Murray para clinicar. O promotor geral do Estado, que representa o conselho médico estadual, anulou a licença de Murray.

Murray Volta a Julgamento dia 14 de Junho.

A audiência do médico Conrad Murray, que cuidava de Michael Jackson no momento da morte, em 25 de junho de 2009, foi adiada para 14 de junho. O médico compareceu nesta segunda-feira no tribunal de Los Angeles. Ele é acusado de homícidio culposo, quando não há intenção de matar. As informações são da "Efe".

O juiz Peter Espinoza transferiu o caso para o juiz Michael Pastor no início da sessão. Pastor é considerado muito exigente e rígido pelos advogados. A família de Michael Jackson estava presente à audiência, bem como os fãs, que permaneceram do lado de fora do tribunal pedindo justiça.

Fonte: http://mjneverland.ptforuns.com/viewtopic.php?f=10&t=983&p=6585#p6585

Nenhum comentário:

Postar um comentário