It's All for L.O.V.E.

Quem Nos Visita?


Visitor Map

sexta-feira, 19 de março de 2010

Angelica Houston recorda Michael Jackson



A atriz Anjelica Huston conheceu Michael Jackson trabalhando em Captain EO, filme em 3-D de Francis Ford Coppola, que foi exibido em parques temáticos da Disney.

"Eu conheci o Michael no primeiro dia de ensaio, e fiquei espantada - apesar de, obviamente, conhecer sua imagem muito bem - o quão incrivelmente doce, modesto e inocente ele era. E frágil também. Pessoalmente, você sentia que ele era quase quebrável. Mas então essa coisa acontecia quando ele ia começar a trabalhar: o seu coração batia mais rápido e os pêlos em seus braços e parte de trás do seu pescoço se arrepiavam enquanto ele literalmente te tirava o fôlego. Eu acho que ele foi o mais eletrizante intérprete que eu já vi."


"Eu acho que foi muito difícil para Michael expressar raiva. Ele foi, eu tenho que dizer, uma das pessoas mais educadas que já conheci na minha vida. Eu nunca ouvi Michael dizer um palavrão, mesmo quando ele estava chateado. Ele tinha as maneiras mais bonitas. E eu acho que a música era realmente a única maneira em que sua paixão podia surgir, sair de dentro dele. Era imenso. Ele estava em chamas como um performer - Eu nunca vi um talento como aquele. Acho que, realmente, havia algo sobrenatural em Michael. Ele tinha esse talento que eu nunca tinha encontrado antes, e eu já vi um monte de pessoas extraordináriasse apresentando. Ele foi, creio eu, muito mal compreendido. Eu nunca acreditei em nenhuma das acusações ou insinuações contra ele. Almoçamos juntos, cerca de um mês atrás, e ele falou sobre o seu calvário. Ele sentiu como se tivesse realmente sido colocado como um impostor. Ele disse que eles queriam sangue. Eu me senti tão mal por ele, e eu senti que ele estava realmente com o coração partido pelo que havia sido feito. Ele era um meteoro: sua chama brilhou incrivelmente, e não por muito tempo, mas poderosamente."



Fonte: http://mjneverland.ptforuns.com/viewtopic.php?f=10&t=915

Nenhum comentário:

Postar um comentário